A técnica do lugar seguro: Hipnoterapia clínica

download (2)

A técnica do lugar seguro é altamente utilizada por diversas abordagens terapêuticas. Na hipnoteria clínica, esta pode ser utilizada  na indução à hipnose, para o aprofundamento do transe e até mesmo na autohipnose. Associada à terapia sugestiva, esta técnica faz com que consigamos usufruir ao máximo o poder de nossa mente.

Antes de fazer essa atividade, escreve em um papel três sugestões que se relacionem com algo que deseja mudar, como atitudes, comportamentos, pensamentos, hábitos, entre outros. Para a elaboração dessas sugestões, essas são as regras:

  1. Definitivamente, nunca utilize a palavra NÃO: se deseja deixar de ser ansioso, não escreva “a partir de hoje, não serei ansioso”. Ao invés disso, escreve “a cada dia irei me sentir cada vez mais calmo”. A lei do efeito inverso permite que aquilo que tentamos evitar e negar com a palavra “não” ganhe força e prevaleça. Se, por acaso, eu solicitar que você não pense em uma rosa vermelha, qual é a primeira imagem que virá à sua cabeça?
  2. Uma forte emoção, seja esta negativa ou positiva, com certeza será mais poderosa do que uma emoção mais fraca. Por isso, sempre associe emoção intensas às sugestões que elaborar. Conseguimos mudar com muito mais facilidade aquilo que sentimos.
  3. Seja honesto e realista: se passará por uma avaliação amanhã e não se preparou para a mesma, não adianta em nada pensar que uma sugestão acerca do sucesso que terá na prova o auxiliará a ter uma boa nota. A sugestão se torna efetiva somente quando se adequa a um contexto e um objetivo realista e atingível.
  4. A simplicidade também é muito importante. Aborde um tema de cada vez. Não se permita pensar em mensagens contraditórias. Seja objetivo e direto. A mente não irá interpretar a sugestão. Apenas a absorverá literalmente.
  5. A prática é fundamental para que essa técnica seja bem sucedida. A repetição é a maneira que nos induz a adquirir novos padrões, pensamentos e ações. A repetição das sugestões fará com que progressivamente adquiramos novos hábitos, que substituirão os que não estão se adequando à nossa vida atual.

Como fazer o exercício do lugar seguro:

“Feche os olhos suavemente… inspire profundamente… e expire… libertando todo o ar… todas as sensações que acumulou durante o seu dia e deseja agora libertar… sinta a sensação de leveza… cada vez que expira. Gostaria que se imaginasse no campo… repare na temperatura do ar… nas cores… no ar puro que inspira… sinta os seus passos firmes… sinta vivamente cada sensação que este lugar lhe transmite… sinta os cheiros… as cores… as texturas… os sons… tão agradáveis… imagine a sensação de segurança… de paz. Nada mais interessa a não ser esta sensação de libertação. Continue a caminhar… a reparar em cada detalhe… em cada folha… árvore… flor… a sua mente está libertando e processando todo o seu dia. Deixe fluir todos os pensamentos… agora não interessam mais… a única coisa importante nesse momento é o seu relaxamento… o seu bem estar… físico e emocional. Continue a caminhar pelo campo e a respirar lentamente… repare como já conseguiu abrandar o ritmo de respiração e do pensamento… Relaxe”.

Nesse momento, repita silenciosamente as sugestões que escreveu e memorizou. Sinta, visualize e imagine vivamente cada palavra. Você atingirá tudo o que desejar!

Anúncios

Hipnose: uma aliada para a minimização dos danos causados pela demência

download (1)

Em um estudo entre dois grupos de sujeitos com demência, em que um desses grupos vivenciou um processo terapêutico convencional e o outro uma intervenção com Hipnoterapia Clínica, evidenciou-se uma melhora significativa na capacidade de concentração, socialização e memória do grupo que passou pela hipnose, se comparado ao outro grupo.

Isso se deve, especialmente, ao fato de a hipnose proporcionar um grande efeito de relaxamento. Quando a pessoa com demência se sente relaxada, ela consegue lidar de maneira mais harmoniosa com a sintomatologia associada à ansiedade e humor depressivo, além de contribuir para o aumento dos níveis de motivação para lidar com as atividades de vida diária e ainda as atividades sociais. A terapia com caráter relaxante auxilia na melhoria das capacidades de memória e concentração.

Os principais sintomas da demência são a perda lenta e progressiva da memória, perda da capacidade de aprendizagem e ainda perda da capacidade de memorizar. A perda da memória envolve não somente a de curto prazo, em que fatos recentes são esquecidos, mas também a de longo prazo, onde as memórias antigas são esquecidas, assim como a capacidade de escrever, de recordar pessoas próximas, reconhecer lugares e executar atividades rotineiras, além de o indivíduo sofrer alterações no modo de ser e de interagir com as demais pessoas.

Estima-se que mais de 12 milhões  de pessoas no mundo sejam vítimas de algum tipo de demência. Essa tendência tende a aumentar a cada dia, visto que tem crescido consideravelmente o número de idosos na sociedade, que muitas vezes mantém uma rotina rígida e que estimulam pouco as habilidades cerebrais.

É um fato que a Hipnoterapia Clínica não cura a sintomatologia associada à demência. Não obstante, é verdade que essa ferramenta pode ser muito auxiliar no controle da ansiedade, no aumento da capacidade de concentração e memória e ainda para motivar o indivíduo para a socialização, diminuindo efeitos nocivos como o isolamento e a depressão, que podem acelerar o processo da demência.

Em suma, o mais importante é que foi constatado que a Hipnose Clínica pode contribuir efetivamente para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes com demência.