Muitas roupas… e nada para vestir!

upscale_o que usar

A cada dia, nos deparamos com uma quantidade maior de ofertas de estilos. Novas tendências surgem a todo tempo e por isso é bem difícil resistir a tanta beleza, especialmente para quem é amante da moda.

O fato de não conseguirmos resistir a uma nova roupa pode desencadear um consumo exagerado que de maneira progressiva, provocará um caos no guarda roupa. Então, chegará o momento em que mesmo tendo diversos looks, acreditamos que não há nada para vestir.

O que vestir para ir à faculdade? Para trabalhar? E para uma festa? O que vestir?

Eis que chegamos ao ponto de termos muitas roupas, mas não sabermos o que fazer com elas. A partir daí, surge a necessidade de realizar uma seleção do que é prático, do que é versátil, do que é sofisticado… do que nos faz sentir bem!

O mais interessante é que podermos fazer uma associação dessa situação com as emoções! Tal como as peças de roupa que se amontoam no “guarda-roupa dos sonhos”, as nossas emoções também se amontoam em nossa vida, gerando muitas vezes um caos emocional.

O que fazer com as emoções? Quais as funções delas? Também servem para embelezar quem somos?

O ponto comum entre a roupa e a emoção é o fato de ambas nos prepararem para a ação. Do mesmo modo que não existe o belo ou feio e sim o gosto pessoal, não devemos rotular as emoções como boas ou ruins. O que podemos afirmar é que algumas emoções são mais agradáveis e outras mais desagradáveis, mas ambas nos orientam para a sobrevivência. Além disso, tal como acontece com as roupas, as emoções, quando adaptativas, também se configuram diferencialmente, exercendo papéis variados.

Enquanto as emoções desagradáveis nos protegem do perigo, orientando-nos para objetivos e ações específicas, as emoções agradáveis nos motivam a explorar o mundo de maneira proativa, devolvendo a harmonia após as experiências emocionais desagradáveis.

A Psicologia contribuiu para a nossa compreensão do modo como as pessoas se defendem das realidades emocionais dolorosas, mas o que torna as pessoas felizes?

Para algumas pessoas, até mesmo um gesto bem simples como aceitar um elogio é algo demasiadamente difícil. É comum que algumas pessoas encontrem recursos para sabotarem a própria felicidade, já que temem o risco de atingirem o que realmente desejam, com receio de que no final tudo dê errado.

Por isso, é fundamental que permitamos experimentar sentimentos bons. Quando permitimos reconhecer em um desafio ou em um perigo uma oportunidade, a possibilidade de vencermos e aprendermos é alta.

Sendo assim, permita-se sentir emoções em variadas situações, não se conformando em conhecer a sensação de apenas uma ou duas. Vista sempre as emoções que melhor lhe assentarem e seja feliz!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s