Comer compulsivamente

download

É muito improvável que algum de vocês, queridos leitores, afirme que nunca comeu exageradamente. Será realmente que você nunca se excedeu  e abusou daquele delicioso bolo, chocolate, pudim, pizza ou outra delícia? Raramente alguém consegue se manter em equilíbrio alimentar durante toda a vida.

Quando paramos para pensar nesse tipo de situação, é bem comum que nos recordemos de agradáveis almoços em família, tão bem preparados pela avó, almoços estes com um incrível poder de reunir familiares com os quais não nos encontrávamos há um tempo considerável, ou nos recordemos ainda de um delicioso happy hour com amigos, com saborosos petiscos, ou mesmo lembremos de uma festa onde comemos abundantemente.

Em um das situações acima mencionadas, ou em todas, não é raro que abusemos de algum ou outro alimento, comendo de maneira muito exagerada, a ponto de nos sentirmos desconfortáveis e indispostos. A maioria das pessoas conseguem se recordar de uma ou outra situação em que isso aconteceu, mas alguns indivíduos, ao invés de vivenciarem esse tipo de situação como uma exceção à rotina, fazem com que esses episódios aconteçam diariamente, como algo corriqueiro do cotidiano.

Quando esse tipo de experiência se torna diária, é possível que esse sujeito esteja enfrentando um transtorno denominado “Ingestão Compulsiva”, no qual é frequente estarem presentes:

  • Isolamento na tentativa de esconder a ingestão exagerada;
  • Pensamentos constantes e intrusos acerca da comida e do comer;
  • Cansaço físico e mal estar;
  • Perda do controle e o comer excessivamente como algo inevitável;
  • Sentimentos de vergonha por estar sendo observado nos momentos de ingestão;
  • Baixa autoestima;
  • Ganho de peso;
  • Isolamento social;
  • Sentimentos negativos e culpa acerca de si mesmo;
  • Redução da crença de uma mudança comportamental.

Visando a compreensão desse transtorno, é possível afirmar que a Ingestão Compulsiva caracteriza-se por um comer descontrolado e excessivo, sendo que esta quantidade é considerada exagerada pela maioria das pessoas. A ingestão normalmente termina quando um intenso mal estar e/ou exaustão física são atingidos. É bem comum que a ingestão seja feita de maneira acelerada, em um curto período de tempo, onde alimentos mais fáceis de serem deglutidos são devorados praticamente sem nenhuma mastigação. Essa ingestão é feita quase que exclusivamente quando o sujeito está sozinho, preferencialmente em locais isolados, pois desse modo evita-se a possibilidade de se confrontar com outras pessoas. Nos primeiros momentos, essa ingestão tende a ser agradável, sendo possível saborear os alimentos, mas rapidamente se transforma em um momento de grande angústia e aversão, que se intensifica com o aumento do consumo alimentar.

Esses episódios costumam ser desencadeados em momentos de alteração de humor, tensão e estresse, ou ainda quando há problemas no cotidiano do sujeito. A comida se torna uma espécie de fuga, que atua como apaziguadora e estabilizadora das emoções. A comida, para esses indivíduos, é teoricamente capaz de proporcionar conforto e quietação, ainda que por alguns instantes. Essa situação acaba propiciando o estabelecimento de relações de dependência emocional com o alimento que são extremamente difíceis de serem quebradas.

Nesse transtorno, diferente da bulimia, não há compensação no sentido de evitar o ganho de peso, como por exemplo a indução do vômito ou ainda o uso de laxantes e diuréticos. Frequentemente, somente a dieta é utilizada pelo sujeito, dietas estas que podem se tornar bem rígidas, numa tentativa de contrariar o descontrole alimentar. Contudo, como são muito exigentes, são essas dietas que mais permitem recaídas.

Há uma tendência de que a Ingestão Compulsiva surja no início da vida adulta, sendo predominante no sexo feminino. O tratamento é normalmente lento e complexo, requerendo a intervenção de uma equipe multidisciplinar, já que são necessários trabalhos nos aspectos psicológico, médico e social.

Se identificou com esse transtorno? Não deixe de procurar ajuda especializada!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s