A força da palavra!

palavras1

Se você persistir em falar e em pensar sobre prosperidade e êxito, não haverá forças no céu ou na terra que impedirão que você seja bem sucedido.” (Catherine Ponder). O poder de comunicação, que é algo latente nos seres humanos, é sem dúvida uma das habilidades mais importantes para a convivência social. Entender e ser compreendido, através da verbalização de palavras, é uma capacidade ímpar das pessoas.

Sendo assim, é interessante pensar que a fala tem uma impressionante competência de levantar ou derrubar, agradar ou desagradar, trazer para perto ou afastar, emocionar ou irritar.

Em cada ocasião de nossa vida, estruturamos nossas perspectivas através da consciência do que somos, temos e o que desejamos ser e ter. Os estados de consciência são criados pela mente, sendo o pensamento a gênese de toda a criação. Quando verbalizamos algo, fazemos com que o processo criativo seja executado em nossa psiquê de maneira inconsciente.

É curioso como pessoas alegres, gratas e que exprimem esse contentamento em suas palavras têm mais êxito do que os sujeitos que reclamam incessantemente de suas vidas. Observe que as pessoas que se dão bem na vida, mantêm assuntos mais suaves e gostosos de serem debatidos. Ou seja, essas pessoas são focadas em algo construtivo. Não se prender intensamente nos problemas e tentar sempre reconhecer o lado bom de cada acontecimento é a chave para essa questão. O grau de importância que cada indivíduo dá aos episódios positivos e negativos é o que difere a pessoa de bem com a vida da pessoa rancorosa. Os obstáculos fazem parte do caminho de todos, já que um dos grandes regozijos da vida está na arte da superação. A diferença está em deixar de se concentrar nos problemas e concentrar o foco nas soluções. Desse modo, discretamente o universo atuará a seu favor.

Faz-se necessário afirmar ainda que a palavra não é independente. Ela vem sempre agregada ao tom da voz, a emoção colocada, a respiração, ao olhar, aos gestos, entre outros. E quando ela é falada em sintonia com tudo isso, vem carregada de uma força muito grande, tanto para o bem quanto para o mal.

É típico que, em muitos momentos, reconheçamos pontos positivos em um momento, como achar determinada pessoa bonita, inteligente ou mesmo com uma atitude digna de um elogio, e nada falemos. Para que deixar tudo isso no pensamento? Elogiar o que você considera que mereça, é uma atitude extremamente saudável, tanto par quem elogia quanto para quem é elogiado. No entanto, para que isso realmente seja saudável, é fundamental que o elogio seja autêntico, verdadeiro.

Em suma, use a palavra da melhor maneira possível para fazer a sua vida e a de quem passa pelo seu caminho, mais alegre, divertida, feliz e cheia de saúde!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s